terça-feira, 6 de janeiro de 2009

OS MÓRMONS E A MAÇONARIA


Chamado Para o Trabalho Cesóstre Guimarães de Oliveira MM*


Trechos retirados do trabalho que nos foi indicado pelo Irm Joel Affonsojcaffonso@yahoo.com.br do autor acima citado. Por questão de Objetivo passamos da Introdução para o 3º capitulo.OS CONSTRUTORES DE TEMPLOS.tibério sá maia.


INTRODUÇÃO

... se houver qualquer coisa virtuosa, amável, de boa fama ou louvável, nós a procuraremos 13º Regra de Fé. (dos Mórmons)


Abusando da síntese, e de forma despretensiosa, cobrirei 187 anos de história, tudo estará sendo analisado à luz da verdade, com o principal intuito de desvincular fato de ficção.
Estarei desmistificando a história. Perguntas que para muitos parece tabu, aqui terão respostas. Questionamentos tais como:
Eram Joseph e Hyrum Smith maçons?
A Maçonaria teve participação em suas mortes?
Brigham Young também o foi?
A Igreja é contrária à associação de seus membros com a maçonaria?
Caso o seja, como explicar a presença dos primeiros cinco presidentes da Igreja na Maçonaria? Por que ainda hoje existem tantos líderes da Igreja no seio da Maçonaria?
Por que a Primeira Presidência não se manifesta oficialmente sobre este tema?
Inicialmente para que haja melhor compreensão do por que nomeio tanto aos maçons quanto aos Santos dos Últimos Dias, de construtores de templos, farei um breve relato de acontecimentos ocorridos no interior do templo de Salomão. Ao mesmo tempo em que tento explicar quem foi este (para alguns) enigma, chamado Hiram Abiff. Ao longo da leitura você descobrirá que vários líderes da Igreja tiveram uma intima relação de conhecimento sobre sua existência e passagem pelo mais famoso de todos os templos.
Antes precisa ficar claro que contrário ao que algumas pessoas têm afirmado, não existe nenhum conflito ideológico, religioso ou literário entre os Pedreiros Livres e a Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Maçonaria por não ser uma religião e não tentar interferir nesta temática, em nada conflita com a Igreja de Jesus Cristo ou qualquer outro seguimento religioso, me sinto livre como Santo dos Últimos Dias, para continuar minha escalada maçônica. Quando tomei a decisão de fazer esta compilação sobre a relação entre maçonaria e os “mórmons”, confesso que fiquei em dúvida, meu receio era que em algum momento viesse a ser leviano ou passional, tenho um testemunho da Igreja de Jesus Cristo, gosto de fazer maçonaria, então pensei: Dentro de meu contexto social, sou eu no momento a pessoa mais qualificada para fazer um relato imparcial sobre a relação existente entre as duas organizações, então é a isto que me proponho...
“Se algum erro existir” nesta compilação, se alguma impressão preconceituosa, discriminadora, ou conflitante com as doutrinas de Jesus Cristo e ou normas da Maçonaria transparecer aqui, deve ser interpretado como dificuldade de expressão deste autor, não falo em nome da Igreja, nem tão pouco em nome da Maçonaria, sou o único responsável por este trabalho de pesquisa, as impressões e interpretações são minhas, e desta forma devem ser compreendidas, convido a todos que despidos de preconceitos e ignorando interpretações herdadas de escritos sensacionalistas façam a leitura, minha intenção é tão somente ser fiel aos registros, pois esta é a história, este foi o fato... E aconteceu assim...


Do CAPITULO IIIOS SANTOS CONSTRUTORES

Terça feira, dia 15, hoje oficiei como capelão na instalação da Loja de Maçons de Nauvoo, no Bosque próximo ao Templo me espera o Grão Mestre Jonas, de Columbus, temos hoje a presença de um grande número de pessoas. O dia foi muito bom; todas as coisas foram feitas em ordem, e a satisfação universal foi expressa. Ao anoitecer recebi o primeiro grau da Maçonaria na Loja de Nauvoo, (que funcionou) em meu escritório geral (...).(Inicio do diário do Profeta Joseph Smith, março de 1842).
Alguns líderes da Igreja e outros pesquisadores têm tentado ignorar os encontros e desencontros ocorridos entre as duas organizações, penso eu que por falta de respostas para algumas perguntas. Mas sei também que calar a estes encontros e desencontros, é um objetivo impossível de ser atingido sem prejuízo da verdade. Pois é publico e notório que a história das duas organizações está entrelaçada de modo intimo. Os primórdios da história da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias e a Maçonaria estão de tal modo ligados que o simples fato de tentar relatar suas existências sem citá-las juntas, torna-se uma tarefa penosa e impossível de ser atingida, pois sempre ficará aquele que ler a impressão que algo ficou faltando. Uma de minhas pretensões ao fazer esta compilação é registrar de modo claro e objetivo a trajetória dos primeiros líderes da Igreja e sua relação com a Maçonaria. Para iniciar, nada mais justo do que começar relatando sobre o Profeta Joseph Smith, ele foi chamado por Deus para conduzir a Restauração do Evangelho, através dele o Livro de Mórmon foi traduzido. Ele também serviu em várias atividades seculares, como por exemplo: Chefe Geral da Legião de Nauvoo, Prefeito de Nauvoo, e outras mais. O Profeta foi iniciado na augusta ordem por Mestre Abraham Jonas (Tecerei alguns comentários sobre este homem mais a frente).
Como foi frisado no inicio desta compilação Hyrum e seu pai Joseph Smith Sr eram bem mais antigo que o Profeta no contexto maçônico. Hyrum foi iniciado na Loja Monte Moriah em Palmyra, Município de Ontário – NY, tendo posteriormente sido um dos fundadores da Loja Worshipful em 1841 onde exerceu várias funções.
Outro que teve grande relevância tanto no contexto maçônico como na Igreja, foi Sidney Rigdon um pastor protestante de Cambellite que se converteu ao Evangelho Restaurado, tendo posteriormente servido na Primeira Presidência como conselheiro do Profeta Joseph Smith. Ele também foi iniciado na maçonaria por Mestre Abraham Jonas, e continuou sua escalada maçônica mesmo depois das dissidências causadas pela morte do profeta, e da divisão dos santos em grupos religiosos. Segundo consta no diário de seu filho, e outros registros maçônicos, Rigdon continuou suas atividades maçônicas até o fim de seus dias. Como um de seus maiores feitos maçônicos posso registrar a fundação da Loja A Amizade, em 18 de junho de 1851.
No cumprimento de uma exigência sua quando ainda em vida, na morte foi enterrado segundo os Ritos Maçônicos que foram administrados pela Loja Allegheny.
Ao falar de Santos dos Últimos Dias que abraçaram a Arte Real, obrigatoriamente necessito cita Brigham Young. Este foi alguém que venceu suas paixões, e submeteu sua vontade. Ele era membro do Quorum dos Doze Apóstolos quando foi iniciado. Tendo o sido na Loja de Nauvoo, em 4 de julho de 1842.
Tomando como base os registros da Loja posso afirmar que Profeta Joseph Smith estava presente a sua iniciação. Sua fidelidade e a seriedade de como encarava a maçonaria, pode ser observada nos registros fotográficos maçônicos e de (documentos da Igreja) alem de outros proprietários, ele aparece nestas fotos com um broche com símbolos maçônicos, é importante frisar que algumas destas fotos são posteriores ao êxodo para Utah.
Um outro amigo tão chegado do Profeta era Willard Richards que acumulava as funções de Apóstolo, Historiador da Igreja, e secretário pessoal do Profeta. Ele estava presente na cadeia de Cartage quando da chacina. Richards foi iniciado na mesma ocasião e na mesma Loja que Brigham Young.
Já Heber C. Kimball que também era membro do Primeiro Quorum dos Doze Apóstolos e foi conselheiro do Presidente Brigham Young. Foi iniciado em Winner, Município de Ontário, NY em 1825. Estava se preparando para atingir o mais alto grau da maçonaria o que não foi concretizado devido o sentimento ante maçônico estimulado pelo caso Morgan que provocou o fechamento da maioria das Lojas naquela região do país (posteriormente trataremos do caso Morgan). Heber C. Kimball desenvolveu várias funções na Loja de Nauvoo.
O próspero comerciante Newel K. Whitney filiou-se a Igreja no inicio de 1830. Ele foi ordenado Bispo pelo Profeta Joseph Smith para presidir sobre os Santos de Ohio e os Estados Orientais. Whitney foi iniciado na Loja Orbe, em Painesville, Ohio. Ele serviu posteriormente como Tesoureiro da Loja de Nauvoo.
John Taylor que já era membro do Quorum dos Doze Apóstolos, sob a supervisão do Profeta Joseph Smith foi iniciado na Loja de Nauvoo. Ele sucedeu Brigham Young na presidência da Igreja.O novo convertido (1830) Parley P. Pratt, que serviu como Presidente de Missão no Missouri e depois como um Apóstolo. E posteriormente cumpriu várias missões para a igreja, passando pela função de editor do Jornal Estrela Milenar, um jornal da Igreja. Foi iniciado na Loja de Nauvoo em 7 de outubro de 1843.
Também outro Apóstolo que sob a supervisão do Profeta iniciou na Loja de Nauvoo foi Wilford Woodruff. Ele foi o quarto presidente da Igreja.O quinto Presidente da Igreja, Lorenzo Snow, com a anuência do Profeta Joseph Smith foi iniciado na Loja de Nauvoo.
Já o Apóstolo Orson Hyde, que logo após sua conversão assumiu funções proeminentes na Igreja, e que serviu várias missões, dedicou a Terra Santa para o ajuntamento final de Israel, foi iniciado na Loja de Orbe nº 10 em Painesville, Ohio.
Orin Caring Rockwell era um novo converso da igreja e era um amigo do Profeta Joseph Smith. Alguns historiadores afirmam ser ele um dos donos do Jornal Danites no Missouri, mais não existe consenso quanto a isso. Rockwell foi acusado da tentativa de assassinato de Lilburn W. Boggs, Governador do Missouri que tinha emitido a "Ordem de Extermínio" contra os membros da Igreja. Durante nove meses ele esteve na prisão por causa desta acusação. Rockwell foi iniciado na Loja de Nauvoo em 3 de setembro de 1844.
William Clayton um convertido inglês que migrou para Nauvoo em 1840, veio a torna-se um dos secretários pessoais e confidentes do Profeta Joseph Smith. Ele foi um dos primeiro a adotar o casamento plural. Antes da morte do Profeta ele foi iniciado na Loja de Nauvoo em abril de 1842. Ele era muito meticuloso, e em seu diário escreveu e preservou uma riqueza grandiosa de informações importantes relativas aos primeiros convênios feitos no templo de Nauvoo, como também os detalhes do dia a dia da vida em Nauvoo. Ele estava entre os Santos que se deslocaram para o Oeste, liderados pelo Presidente Brigham Young.
George Miller se converteu em 1839. E logo foi chamado para substituir Edward Partridge como Bispo, e Don Carlos Smith como presidente dos Sacerdotes em Nauvoo. De acordo com os registros daquela Loja, Miller foi iniciado em 11 de março de 1819, Miller era um dos membros do "Conselho dos Cinqüenta”. Depois da morte do Profeta, Miller teve desentendimentos com o Presidente Brigham Young e eventualmente afastou-se da Igreja. Existem muitos outros líderes da Igreja, tanto no passado como contemporâneos, que também são maçons, não citarei aqui os contemporâneos pelo simples respeito de suas vontades. Os que foram citados, só foram por que em nenhum momento eles manifestaram o desejo de anonimato e sua condição de maçom é de domínio publico, apenas citei estes para demonstrar que nada existe por parte da Igreja que venha desabonar nossa participação ou permanência na maçonaria.
Voltaremos.
SDS fraternais,
tsmaia.

26 comentários:

  1. A maçonaria é uma instituição santa e democráica, aberta a todos os homens livres e de bons costumes, sem qualquer preconceito religioso. Basta que o homem creia em Deus e poderá ser maçom, sem qualquer restrição quanto ao credo que professe.

    Lazar Schogor

    ResponderExcluir
  2. Excelente texto. Descobri aqui por acaso, mas passarei a ser visitante frequente.

    T.´.F.´.A.´.

    regis.

    ResponderExcluir
  3. Fico grata por ter encontrado respostas mais claras e objetivas... Ótimo trabalho

    ResponderExcluir
  4. Adorei tuas explanações sobre Mormonismo e Maçonaria, realmente êste tema tem gerado muita polêmica dentro e fora do mormonismo! SOU MÓRMON TAMBÉM, e conheço muitas pessoas com dúvidas, VOU TRANSMITIR-LHAS TUA MENSAGEM. Convite: visite meu blog= templariosband.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. GOSTEI MUITO DO ASSUNTO, SOU MENBRO DA IGREJÁ E TENHO LIVROS MOÇONICIOS ACHO QUE UMA COISA COMPLETA A OUTRA [GILBERTO SOUSA IMPERATRIZ MA]

    ResponderExcluir
  6. MARCOS CASTILHO ALEXANDRE1 de julho de 2009 21:09

    Religião(Religar-se a Deus)

    "Toda crença religiosa que cerceia a liberdade de pensamento e do livre arbítrio acorrentando o homem a verdades (predestinadas), cobrindo a ilusão com o véu do mistério, anunciando-se ser a única e verdadeira, subjugando e/ou inferiorizando o conhecimento de outras religiões, crenças e sua Fé, não deveria ser vista como religião. Pois, quem procura religar-se a DEUS (RELIGIÃO = RELIGAR-SE A DEUS) não cerceia nem critica, ofende ou ridiculariza o seu semelhante, que busca a mesma Luz Divina em um outro grau de entendimento ou compreensão diferente do seu.

    Toda religião nos leva até ELE!"

    Marcos Castilho Alexandre
    M.'.M.'. - Or.'. de S.P.

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Sou membro da Igreja há 8 anos e ainda fico intrigada com o fato de existirem tantas meia-verdades em nosso meio. A desinformação leva ao preconceito, e isto deveria ser combatido. Meu avô era maçom e a família tratava este assunto como algo quase que pecaminoso. Sugiro que o autor publique um material elucidativo sobre o extinto casamento plural na Igreja.

    ResponderExcluir
  9. Fui batizado em 1999 e sempre tive um forte sentimento com relação ao Judaismo e antes de conhecer a igreja cheguei a visitar uma sinagoga e depois de um tempo vim a conhecer e fazer amizade com um Judeu que eu sempre pedia para me levar a sinagoga e é ainda um grande amigo. Quando tirei minha benção patriarcal descobri que era da linhagem de Judá e fiquei muito surpreso. Eu sempre quis conhecer a marçonaria pena que até momento não fui convidado ao contrario da igueja que fui sozinho sem precisar de convite e pude saber por mim mesmo que a igreja de Jesus Cristo está novamente na Terra.

    ResponderExcluir
  10. Sou SUD (Mórmon),admiro a maçonaria e acredito que se Joseph Smith e outros líderes da Igreja foram maçons, significa que a maçonaria seja algo louvavel , amável e verdadeiro.
    Espero um dia ser convidado a participar, sei que nomomento não tenho todos os requisitos para ser um maçon.
    Assim com falam mal dos templo SUD, os mesmo fazem em relação a maçonaria por puras falta de conhecimento.
    Pai perdoa-os pq não sabem o que estão fazendo.

    ResponderExcluir
  11. Moro em Recife e também sou mórmon, embora não seja Maçom conheço o autor deste texto, o irmão Cesóstre detem profundos conhecimentos sobre esta relação, oude concluir isto ao conversar com ele em sua ultima estadia em Recife. Estar de parabens o blog, estar de parabens o autor Cesóstre Guimarães de Oliveira.

    ResponderExcluir
  12. Aos que se interessam pelo tema Mórmons Maçons recomendo uma leitura minuciosa de meu blog.

    ResponderExcluir
  13. Não sei o q escrever, estou um pouco descepcionado...Por que a maçonaria sendo tão "boa assim" possui tantos mistérios? é mais dificil ser maçon do q ser SUD, as ordenanças do templo q dizem ser da "igreja verdadeira" estão disponíveis pra pessoas com tantos erros q muitas veses mentem facilmente em entrevistas...enho certeza q qualquer um q creia firmemente no sacrficio expiatorio queira procurar qualquer entidade q não mostre claramente seus propósitos.O q Cristo acharia da maçonaria???

    ResponderExcluir
  14. 1° Dizer que é instituição santa é absurdo,Se não sabe o que é santidade é melhor ficar calada.. 2° tbm creio que muitos lideres mormons foram maçom por isso é que o ensinamento mormom é totalmente herético..
    3° sei alguns objetivo da maçonaria, pode vir o que vier sei que eu sou lavado pelo sangue puro do cordeiro.. que a Miséricordia de Deus seja para com vocês e que vocês voltem seus passos enquanto há tempo.. Jesus te ama muito

    ResponderExcluir
  15. Achei bem interessante o post. Onde conseguiu o material para pesquisa, principalmente o diário de Joseph Smith?

    ResponderExcluir
  16. Interessante o fato de notar que muitos maçons não conhecem escritos outrora considerados secretos dentro da ordem.

    É de sapiência que a maçonaria exige que se tenha fé em um ser superior, não importando que seja Shiva, Vishnu, Buda, Alah ou o Deus da Bíblia.

    Portanto, o G:.A:.D:.U:. pode ser qualquer deus, até mesmo Lúcifer.

    Interessante também que, este último, não é abertamente declarado como aceito para os iniciados e de graus mais rasos.

    Um maçon de grau 33 do início do século XX, Manly P. Hall, proferiu a seguinte assertiva:

    "Quando o maçom aprende que o segredo para o guerreiro é a correta aplicação do dínamo do poder da vida, ele aprendeu o mistério de sua Arte. As energias ardentes de Lúcifer estão em suas mãos e antes que ele possa avançar para frente e para cima, precisa provar sua capacidade de aplicar corretamente a energia." [The Lost Key to Freemasonry, Manly P. Hall, publicado pela Macoy Publishing and Masonic Supply Company, Richmond, Virgínia, 1976, ênfase adicionada]

    Portanto, se o maçom admite esta adoração ao anjo caído, isto é uma questão de consciência pessoal e não podemos mudar tentar dissuadí-lo de algo que ele tem por melhor para a sua vida. No entanto, se o maçom professa crer no Deus da Bíblia, criador dos céus e da terra, e em seu filho Jesus Cristo, o Salvador da humanidade, é impossível compreender como ele ainda pode continuar servindo a dois senhores!

    I Reis 18:21:
    "Então Elias se chegou a todo o povo, e disse: Até quando coxeareis entre dois pensamentos? Se o SENHOR é Deus, segui-o, e se Baal, segui-o. Porém o povo nada lhe respondeu."

    O fato da adoração a Lúcifer como deus é ttalmente comprovável, basta seguir adiante, avançando nos graus.

    A palavra chave para o 17º Grau é ABADOM (Um demônio).

    Se você não tem ciência destas coisas, está na hora de acordar, mas se tem, rogo que mude de rumo, porque o Senhor está voltando nas nuvens do céus e quem estiver servindo ao inimigo será destruído eternamente.

    ResponderExcluir
  17. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  18. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  19. É, pra quem não conhece, ou não tem um tetstemunho sólido sobre A Igreja de Jesusu Cristo dos Santos dos Últimos Dias que é o reino de deus estabelecido na terra em preparação para a segunda vinda do messias (Jesus Cristo), até pode acreditar que esse conceito tenha ao menos nexo com a realidade mas, pra mim não tem pois, não há como Joseph Smith professar ter visto deus e Jesus Cristo naquela manhã de primevera, ter recebido deles ordem para restaurar a unica igreja viva e verdadeira sobre a face da terra, ter sido um instrumento em suas mãos para restaurar o sacerdócio ( poder e autoridade de deus, conferida ao homem pela imposição de mãos por alguem que possua a mesma autoridade), todas as ordenanças sagradas do templo que tem como principal objetivo auxiliar na exaltação do homem assim seja ele obediente a deus em tudo o que lhe for requerido e ao mesmo tempo se filiar a outra facção que nem tem poder para salvar e exaltar ninguém. a igreja de Jeseus Cristo dos Santos dos Últimos Dias é verdadeira os ensinamentos tambem e quem quizer ter a real confirmação assim como eu tenho, procure fazer como diz tiago 1: 5 " E se algum de vós tem falta de sabedoria paça a deus, que a todos da liberalmente e o não lança em rosto e ser - lha - à dada".

    ResponderExcluir
  20. A maçonaria naum tem nd de santa, e eu naum sou um fanatico religioso antes que me condenem assim.
    Pesquisei muito e minha opiniao, eu disse MINHA opiniao é que se vcs realmente pensam assim vcs estao sendo enganados, ou de escrevem esse tipo de comentario no site pra atrair seguidores para essa seita é lastimavel.
    Seita cheia de enigmas que levam ao satanismo...

    ResponderExcluir
  21. Sou da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos ùltimos dias( mórmon),
    sei que a maçonaria é uma instituição de pessoas boas q querem fazer uma sociedade + justa e feliz, sei pq grandes líderes da igreja foram maçom como; Joseph e outros!!!!!

    ResponderExcluir
  22. Tenho 100% da verdade como menbro de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Ultimos Dias. |Muito me admira um portador do sacerdócio real procurar qualquer coisa que seja (talvez para ficar uma noite a mais longe de sua familia) fora das atividades da Igreja ( que diga-se de passagem para quem magnifica seu chamado são muitas) Santos dos Ultimos dias, fujam de qualquer coisa que imite religião, temos o evangelho de Cristo restaurado; não precisamos de mais nada!

    ResponderExcluir
  23. Anônimo este é o meu nome disse: Estou decepcionado com o mormonismo e a maçonaria,profetas que se dizem ser de Deus misturados aos mistérios satânicos dos maçom,OBRAS SECRETAS entre homens,filosofia de Homens mescladas com escrituras,não se esqueçam, DEUS não opera através de de obras secretas,os pequenos meios confundem os sábios,o certo é que um dia vcs prestarão contas não a mim mais ao Grande Criador do universo,casamento plural e o sacerdócio concedidos aos negros somente em 1978 ,revelam preconceitos e contradiçôes sobre o mormonismo,Não podeis servir a DEUS e a MAMON (Dinheiro),vcs maçons podem ter poderes aqui veneraveis ridicúlos em sua curta existência terrena,é contraditório o falso argumento da regra de fé dos mormons ,se houver qualquer coisa ... de boa fama nós a procuraremos,continuem se cumprimentando por sinais, e liderando as religioes porque vcs estão na realidade emfiltrados nos mais diversos seguimentos religiosos e politicos o caminho de vcs será buscar a salvação não no reino Celestial, mais em diversos reinos inclusive nas trevas exteriores maçons e mormons,lobinhos vestidos em pêle de cordeiros, mais o cordeiro de Israel lhe dara segundo as suas reconpensas pois neguam Cristo.lobos vorazes não tenho medo de vcs e de ninguem ,mais só de Deus o Pai Eterno e de Jesus Cristo,vcs podem até enganar e confundir as pessoas deste mundo mais amim vcs jamis enganarão,falsos seguidores da fé.falsos profetas e discipúlos do Diabo pois o pois vcs são filhos das trevas e a escuridão do inferno é o seus destinos eternos o veneraveis mestres da mentira e da escuridão porque seguam as suas visões o homens sábios e espetaculares,vcs servem ao papa,aos presidentes dos americanos e forma de governo e poder do inferno, veneraveis homens falsos pedreiros livres para contruir a morte espiritual,queimem no fogo vermelho e quente do inferno para todo sempre Amém. (Assim seja)

    ResponderExcluir
  24. eu sou mormon e sei que a igreja de jesus cristo dos santos dos ultimos dias é a igreja de cristo aqui na terra e sei que se alguem esta falando coisas que nao sabem é pq nao adiquiriram um testemunho verdadeiro . eu sou fiel as coisa do senhor e sei que a igreja nao é igreja dos mormos mais sim igreja de jesus cristo. e a ler tudo isso eu pude ver que realmente essa igreja é a verdadeira pois DEUS sempre é mal falado por alguns homens e tudo que vem de DEUS é motivo de causar polemica pois satanas esta aqui na terra pra isso pra fazer as contentas e confusoes na cabecas das pessoas e principalmente da quelas que sao DA IGREJA DE MJESUS CRISTO DOS SANTOS DOS ULTIMOS DIAS e sei que o salvador nos ama e eu sei que apesar de eu ter 16 anos de idade eu tenho um verdadeiro testemunho da igraja de jesus cristo dos santos dos ultimos dias . eu me chamo thaynah pereira da silva e tenho muita gratidao por fazer parte desse evangelho . esse é meu testemunho que eu deixo em nome de jesus cristo amem .

    ResponderExcluir
  25. Não quero julgar os SUD ou a sua igreja, mas sei que a maçonaria não é algo bom, portanto, à aqueles que acreditam que J. Smith e tantos outros líderes da igreja dos SUD foram maçons ou os quem têm dúvidas sobre esta afirmação, sugiro que se aprofundem no assunto de maneira histórica e sem qq preconceito literário. eu posso garantir que a maçonaria é uma organização maléfica e que uma igreja verdadeira não pode ter nenhuma ligação com a mesma.

    ResponderExcluir
  26. EU SEMPRE FIZ ESSA LIGAÇÃO ENTRE OS DOIS.. LOGO QUANDO LI QUE HAVIA UMA REPLICA DO TEMPLO DE SALOMÃO NA AMÉRICA... SOU SACERDOTE PESQUISADOR...

    ResponderExcluir

Ola, Obrigado por comentar, Volte Sempre!!

Regras:
- Não serão aceitos comentários contendo: palavrões, ofensas, ou qualquer tipo de discriminação!
- Não publicamos mais criticas negativas de "anônimos"! Para criticar, identifique-se!
- Os comentários serão respondidos aqui mesmo!